Ragdoll

ragdoll
Ragdoll

Ragdoll

Beleza e alegria.

A história do Ragdoll começou em 1963, em Riverside, na Califórnia, com uma senhora chamada Ann Baker que tinha uma gata tipo angorá branca chamada Josephine. Certo dia esta gata se envolveu em um acidente de carro, sendo levada a um hospital veterinário onde se recuperou sem nenhuma sequela.

Durante seu período de recuperação, Josephine se tornou uma gata mais socializada e confiante.

Após este período, a gatinha passou a ter suas ninhadas na varanda da Senhora Pennel, vizinha de Ann, e seus filhotes passaram a ter um estreito contato com pessoas da família.

Estes gatinhos também foram descritos como sendo grandes, sem disposição para brigas e com uma alta tolerância a dor. Ann se interessou por essas mudanças no comportamento dos gatinhos e começou uma série de cruzamentos com três filhotes de Josephine.

Os valores dos filhotes variam muito com o tipo e marcação do animal. Já existem criadores no Brasil.

É uma raça muito brincalhona e com boa disposição para brincadeiras. Adoram brincar com bolinhas, laser, entrar dentro de caixas, sacos, etc.

CARACTERÍSTICAS


País de origem:Estados Unidos

Pelagem:Longo

Atividade Física:Média

Miado:Mia pouco

Cuidados:Requer cuidados básicos

Filhotes:4 a 8 filhotes

Convivência:Ótimo convívio

Peso:4 a 7 kg

Texto: fonte - Revista Pulo do Gato - Editora Top.Co.Imagem: fonte - Acervo Lupus Alimentos
1175 Visualizações

 

Veja também:

pixiebob
Pixie-Bob
russian_blue
Russian Blue

Comentários