Bichon Frisé

bichon_frise
Bichon Frisé

Pequeno e simpático, o Bichon Frisé teve sua origem a partir de cães muito antigos que habitavam o antigo Egito e Fenícia há cerca de 1.400 a. C.. Acredita-se que foram os fenícios que espalharam estes cães de pelagem longa e muito branca por várias partes do mundo como Índia, África e Europa.

França e Bélgica foram os países responsáveis pelo melhoramento destes cães, mas a popularização do Bichon Frisé se deu mesmo nos Estados Unidos, país em que os exemplares, já com as características atuais, se tornaram moda entre a elite. A raça só foi reconhecida oficialmente em 1973 e os cães passaram a ser vendidos a preços muito altos.

Um cão altivo e alegre, o Bichon é muito semelhante so Poodle Miniatura. Perfeito como cão de companhia, se mostra extremamente carinhoso com o dono.

Uma de suas principais características é o andar rápido e ágil. Por ser muito fofinho, com pelagem lisa, sedoda e com cachos, precisa de cuidados constantes. Mas apesar do seu aspecto frágil e de brinquedo, assume perfeitamente o papel de desportista, ganhando reconhecimento em competições como o Agility e o flyball.

O Bichon tem também um especial talento para travessuras, o que poderá surpreender quem adquiriu o cão apenas pela sua aparência. Por isso, deve ser educado desde muito cedo por forma a que perceba facilmente os limites para as suas brincadeiras. Se for preciso deixá-los longos períodos sozinhos, os donos devem acostumá-los desde pequenos a não latir enquanto estiverem sós.

Procure não o mimar demasiado, e assuma a posição de líder da matilha. O principal elemento para o sucesso de uma boa educação será a postura dos donos que não devem se deixar levar pelo aspecto frágil do filhote, mimando excessivamente o cão.

Embora tenha sido bastante popular entre os nobres da corte européia no passado, o Bichon Frisé foi visto em circos do século XIX, onde caompanhava tocadores de realejo.

Pequeno e simpático, o Bichon Frisé teve sua origem a partir de cães muito antigos que habitavam o antigo Egito e Fenícia há cerca de 1.400 a. C.. Acredita-se que foram os fenícios que espalharam estes cães de pelagem longa e muito branca por várias partes do mundo como Índia, África e Europa. França e Bélgica foram os países responsáveis pelo melhoramento destes cães, mas a popularização do Bichon Frisé se deu mesmo nos Estados Unidos, país em que os exemplares, já com as características atuais, se tornaram moda entre a elite. A raça só foi reconhecida oficialmente em 1973 e os cães passaram a ser vendidos a preços muito altos.
Um cão altivo e alegre, o Bichon é muito semelhante so Poodle Miniatura. Perfeito como cão de companhia, se mostra extremamente carinhoso com o dono. Uma de suas principais características é o andar rápido e ágil. Por ser muito fofinho, com pelagem lisa, sedoda e com cachos, precisa de cuidados constantes. Mas apesar do seu aspecto frágil e de brinquedo, assume perfeitamente o papel de desportista, ganhando reconhecimento em competições como o Agility e o flyball.
O Bichon tem também um especial talento para travessuras, o que poderá surpreender quem adquiriu o cão apenas pela sua aparência. Por isso, deve ser educado desde muito cedo por forma a que perceba facilmente os limites para as suas brincadeiras. Se for preciso deixá-los longos períodos sozinhos, os donos devem acostumá-los desde pequenos a não latir enquanto estiverem sós. Procure não o mimar demasiado, e assuma a posição de líder da matilha. O principal elemento para o sucesso de uma boa educação será a postura dos donos que não devem se deixar levar pelo aspecto frágil do filhote, mimando excessivamente o cão.
Embora tenha sido bastante popular entre os nobres da corte européia no passado, o Bichon Frisé foi visto em circos do século XIX, onde caompanhava tocadores de realejo.
É uma raça muito usada em terapias humanas que envolvem a presença de animais, já que o seu tamanho e aspecto contribuem favoravelmente no relacionamento com os doentes, que se sentem estimulados pela sua docilidade.

CARACTERÍSTICAS


País de origem:França

Utilização:Companhia.

Tamanho:23 a 30 cm.

Peso:3 a 6 quilos.

Aspectos Gerais:É um cão pequeno, mas proporcional, alegre e afetuoso, de andadura rápida e atento.

Pelagem:É fina e sedosa, ligeiramente crespa em aspirais amplas com cachos longos e espiralados que medem até 10 cm de comprimento, devendo ser preferencialmente branco uniforme, embora se toleram manchas apricot em exemplares jovens.

Longevidade:14 anos.

Agressividade:Baixa

Área de Criação:Pequena

Temperamento:É ativo, alegre e muito carinhoso com o dono.

Atividade Física:Baixa

Texto: fonte - Anuário Cães 2010 - Editora Minuano
922 Visualizações

 

Veja também:

Dog Foods
Conheça a linha de produtos Pet Food
lhasa_apso
Lhasa Apso

Comentários