Galgo Espanhol

galgo_espanhol
Galgo Espanhol

Este Galgo era conhecido desde a Antiguidade pelos Romanos, mas a sua introdução na Espanha é anterior a esta época.

Sem dados concretos sobre quem os teria trazido ( Fenícios ou Celtas), para alguns, ele descende do Galgo Árabe, introduzido na Espanha, no século IX, pelos Mouros. estimado pela nobreza espanhola, era utilizado, principalmente, para a corrida, onde se apresentava menor e mais maciço que o Galgo Inglês.

Com a finalidade de se obter individuos mais rápidos, foram realizados vários cruzamentos com o Galgo Inglês, criando-se, assim, uma variedade anglo-espanhola. Nos séculos XVI, XVII E XVIII, o Galgo Espanhol foi exportado em grande número, principalmente para a Irlanda e inglaterra.

Ainda é muito utilizado pelos caçadores espanhóis. Rústico, ativo e muito resistente, caça especialmente lebre, mas também raposa e javali.

De temperamento meigo, se mostra muito afeiçoado ao dono, e é o mais expressivo entre os Galpos.

CARACTERÍSTICAS


País de origem:Espanha

Utilização:Caça e corrida

Tamanho:62 A 70 cm para machos e 60 a 68 cm para fêmeas

Peso:Padrão não comenta

Aspectos Gerais:Cão lebrel de bom tamanho, estrutura óssea compacta, cabeça lomga e estreita, tórax de ampla capacidade, ventre muito retraído e cauda muito longa. Os posteriores bem aprumados e musculosos. Pelo fino e curto ou duro e semi longo.

Pelagem:o pelo denso, muito fino, curto e liso, espalhado por todo o corpo até os espaços interdigitais.Ligeiramente mais longo nas partes posteriores das coxas. A variedade de pelo duro semilongo apresenta maior aspereza e comprimento de pelos, que pode ser variável, embora sempre espalhado, uniformemente pelo corpo, tende a apresentar uma barba e bigodes na face, sobrancelhas e topete na cabeça. Todas as cores são permitidas.

Longevidade:10 a 12 anos

Agressividade:Baixa

Área de Criação:Grande

Temperamento:é um cão de caráter sério e retraído, porém, quando sai para caçar, demostra uma grande energia e vivacidade na caça.

Atividade Física:Alta

Texto: fonte - Anuário Cães 2010 - Editora Minuano
573 Visualizações

 

Veja também:

Dog Foods
Conheça a linha de produtos Pet Food
griffon
Griffon

Comentários