Alguns dos alimentos que são saudáveis para os humanos, podem ser potencialmente fatais para cães e gatos.

A gente sabe que os donos de pet’s adoram agradar seus cãezinhos e gatos, não é mesmo? E muitas vezes, com todo esse excesso de cuidado acabamos por colocar sua saúde em risco sem nem saber o porquê. Alguns dos alimentos que são saudáveis para os humanos, podem ser potencialmente fatais para cães e gatos, sabia? E se você quer aprender o que não deve NUNCA oferecer ao seu animalzinho, aí vão nossas dicas:

 

  • Abacate: apesar de ser altamente nutritivo e gostoso para nós, humanos, o mesmo não se pode dizer para cães e gatos. Isso porque o abacate possui uma toxina chamada persina, principalmente na casca e caroço, causando alterações no sistema gastrointestinal e problemas respiratórios. Além é claro, de que o caroço, se engolido acidentalmente, pode causar sérias obstruções intestinais.
  • Macadâmia: a macadâmia possui uma toxina ainda desconhecida que pode levar a sérias desordens no sistema digestivo, nervoso e músculo, levando até mesmo a casos de paralisia (já imaginou?)
  • Uvas e uva-passa: são pequenas mas não são inofensivas. Estas delícias (para os humanos) são pequenas “vilãs” para os animais podendo levar a casos de insuficiência renal mesmo com uma pequena quantidade ingerida.
  • Chocolate: esta já não é novidade, não é mesmo? Já falamos sobre isso aqui anteriormente. O chocolate possui teobromina que é tóxico para cães e também gatos. Essa ingestão, ainda que em pequenas quantidades pode levar a diarreia, vômito, dificuldade respiratória e mesmo a morte.
  • Alho e cebola: o cheirinho até que pode ser bom e faz parte dos nossos melhores temperos, mas o alho destrói as células vermelhas do sangue do seu pet e ambos podem causar uma anemia severa. Em pequenas quantias (muito pouco mesmo) alguns veterinários nutrólogos até indicam como parte da dieta natural (mas só sob supervisão, pois a diferença entre o bom e o mau é muito pequena).
  • Álcool: tem quem ache engraçado oferecer bebidas alcoólicas aos pet’s, mas a verdade é que essa brincadeira de mau gosto pode acabar muito mal. Animais podem entrar em coma por causa da inconsequência de seus humanos.
  • Balas, chicletes e doces no geral: a maioria deles possui xilitol em sua composição, um adoçante dietético que leva a graves danos no fígado e até a morte.
  • Ossos: este não é totalmente proibido aos cães, mas deve ser oferecido com cautela. Evite oferecer ossos fáceis de quebrar e que formam pontas que poderiam “perfurar” o sistema gastrointestinal por dentro, como por exemplo, ossos de bisteca ou de frango. Dê preferência, ofereça apenas aqueles ossos comprados em pet shop’s que são mais seguros.
  • Frutas com sementes: algumas frutas com sementes podem conter toxinas em seus caroços, além de poderem causar obstrução intestinal. Evite!
  • Café: além de ter cafeína, um estimulante cardíaco, ainda contém xantinas que causam danos ao sistema urinário e nervoso.
  • Massa de pão crua: o fermento contido nos ingredientes após ingerido pode se expandir no estômago causando até mesmo ruptura do estômago e intestino.

 

Agora que você já sabe o que não deve, de forma alguma, oferecer ao seu pet, fique sempre atento e oriente as pessoas ao redor. Caso o animal ingira algum destes da lista, leve-o imediatamente ao Veterinário, informando o que o pet ingeriu. Esteja atento a sua alimentação e por via das dúvidas, ofereça apenas o alimento próprio para sua espécie, balanceado por veterinários nutricionistas e feito especialmente para ele.

 

Larissa Salles Teixeira

CRMV/PR 11718

Cornélio Procópio – PR

409 Visualizações

Veja também:

seu caozinho pensa em vc
Sabia que seu cãozinho pensa em você?
Bicho-geográfico-o-que-o-meu-pet-tem-a-ver-com-isso-
Bicho geográfico: o que o meu pet tem a ver com isso?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest