Quer trocar de ração, mas não quer que o pet sofra com os efeitos dessa mudança?

Descubra como fazer isso sem que o animal tenha um desequilíbrio gastrointestinal.

 

»COMO FAZER A TROCA DE RAÇÃO DO MEU PET?

A alimentação é um dos pilares fundamentais na saúde de um animalzinho de estimação. É importantíssimo oferecer sempre alimentos de qualidade, na quantidade certa e na hora certa. Se você decidiu que é a hora de trocar de ração ou de categoria, vale lembrar que essa troca deve ser gradual e nunca, jamais deverá ser feita bruscamente.

Isso porque, quando a troca é feita de forma brusca, o animal, tanto os cães, quanto os gatos, podem sofrer os efeitos prejudiciais de um desequilíbrio gastrointestinal, levando-os às manifestações como vômitos, diarreia, alteração na consistência das fezes e falta de apetite. E isso é tudo o que NÃO queremos, não é mesmo?

 

»QUERO COMEÇAR A OFERECER RAÇÃO FOSTER PARA O MEU PET – COMO FAZER ESSA TROCA?

Se você optou por trocar de ração e deseja oferecer a ração Foster para o seu pet, apresentamos abaixo um programa ideal, que favorecerá a adaptação do seu animalzinho, evitando desordens desnecessárias e que afetam a saúde intestinal do pet.

A Linha Foster possui uma composição equilibrada que oferece todos os nutrientes que o seu pet precisa em várias fases da vida. Com os nutrientes na medida certa e um sabor muito bem aceito pelos pets, a linha Foster é composta com aditivos funcionais que promovem a saúde e bem-estar do seu animalzinho. Conheça mais aqui: Linha Foster

 

Para proceder a troca de ração de forma gradual, siga as recomendações abaixo:


Durante o 1º e 2º dia: Ofereça 75% da ração atual + 25% da ração FOSTER.
Durante o 3º e 4º dia: Ofereça 50% da ração atual + 50% da ração FOSTER.
Durante o 5º e 6º dia: Ofereça 25% da ração atual + 75% da ração FOSTER.
A partir do 7º dia: Você já pode passar a oferecer 100% da ração FOSTER.

Fazendo desta forma, o organismo do pet se acostuma à mudança entre a composição das rações e sofre menos. Não é o máximo?

 

Gostou desse conteúdo?
Então compartilhe para que mais gente saiba como fazer corretamente a troca de ração.
E fique de olho, porque semana que vem tem mais um tema interessante para você, que assim
como nós, é apaixonado pelos bichinhos.

 

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Chicão - Bicho Amigo

Este é Chicão!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

Veja também:

Meu-gato-solta-muito-pelo-MUNDOPET-LupusAlimentos
Meu gato solta muito pelo – o que eu faço?
Meu gato está vomitando pelos | Lupus Alimentos
Meu gato está vomitando pelos – o que eu faço?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest