Os cuidados básicos com o cão vão desde a escovação de pelos e dentes, alimentação balanceada, atividade física, visitas regulares ao veterinário e os banhos a cada 15 dias ou semanais. Mas não para por aí. Outros detalhes não podem passar despercebidos e fazem parte da higiene, como é o caso da limpeza das orelhas. Você limpa as orelhas do seu cãozinho? De que forma você faz isso?

Essa pode ser uma prática simples se for feita da maneira correta. Porém, quando realizada erroneamente ou muito bruscamente com técnicas agressivas pode causar sérios problemas, como a otite, por exemplo, que é a inflamação e infecção do ouvido externo, médio e mais gravemente, o interno.

Existem diversas raças de cães e cada uma delas possui suas particularidades, inclusive para realização da limpeza. Os cães podem ter:

  1. Orelha e pelo curto (Chihuahua, Pinscher, Fox Paulistinha, Whippet, Pitbull);
  2. Orelha curta e pelo longo (Yorkshire Terrier, Bichon Frisé);
  3. Orelha e pelos longos (Cocker, Galgo Alfegão);
  4. Orelha longa e pelo curto (Basset, Beagle).

O primeiro grupo é o mais simples de todos. O fato de terem o pavimento curto e pouca pelagem não é muito propício ao desenvolvimento de fungos e bactérias, pois a orelha não fica “abafada” e com muita umidade.

Já o segundo grupo, apesar da orelha ser pequena, a pelagem muito comprida e densa funciona como um “fechamento” na ventilação do ar. O mesmo acontece de forma um pouco pior no terceiro grupo. Cães como o Cocker merecem um cuidado todo especial. Já o último grupo, apesar da orelha ser comprida, o pelo é curto e facilita que o ar entre e circule.

Agora vamos aprender qual a melhor maneira de fazer isso em casa, sem machucar o conduto auditivo dos bichinhos. O ouvido – é importante que você saiba – é um órgão bastante sensível e responsável por um dos cinco sentidos, a audição. Então, todo cuidado é pouco.

 

Dica nº 1: Separe materiais como gaze ou algodão e um produto próprio para limpeza dos ouvidos (ceruminolíticos encontrados em pet shop). Caso você não tenha um produto como este, use solução fisiológica ou água morna.

Dica nº 2: Se for a solução ceruminolítica, pingue as gotinhas indicadas pelo fabricante em bula dentro do ouvido. Massageie-o e inicie a limpeza. Caso você tenha apenas água morna ou solução fisiológica, NÃO pingue dentro do ouvido, apenas use para molhar a gaze ou algodão.

Dica nº 3: Enrole a gaze no dedo indicador e passe na solução para limpar as orelhas ou água morna e limpe toda a região externa. Não force, seja delicado nos movimentos. Limpe APENAS esta área externa, nunca force para o fundo da orelha e evite empurrar a cera ou sujeira para dentro. Faça movimentos para fora. Não utilize cotonetes, se não tiver prática. O cotonete só deve ser usado com extremo cuidado, pois pode machucar, empurrar a cera para dentro do ouvido e piorar a situação. 

Dica nº 4: Limpe a orelha por fora com o mesmo produto e seque bem ao final.

Dica nº5: Cães mais propensos a terem problemas devem receber a limpeza toda semana ou de acordo com a indicação veterinária. Cães com pelo e orelha curta podem receber a limpeza a cada duas semanas, junto com os banhos.

Dica nº 6: Deu banho no cão? Seque muito bem as orelhas e nunca as deixe úmidas, pois é o ambiente perfeito para a proliferação de bactérias e fungos que causam otites e muita dor.

 

E se você for limpar as orelhas do cãozinho e notar algo errado, veja alguns sinais de alerta:

  • Orelhas com muito cerúmen, de cor escura e com mau cheiro;
  • Cãozinho andando com a cabeça torta;
  • Cão coça e chora ao esfregar as orelhas.

Estes sinais acima podem indicar algum problema no conduto auditivo, como otites, otohematoma e outros. Nestas situações, apenas a limpeza não será suficiente. O pet precisa passar por um profissional. Consulte o médico veterinário de sua confiança.

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR


978 Visualizações

Veja também:

Colar-Elizabetano-o-que-é,-para-que-serve-e-como-fazer-um-em-casa_site
Colar Elizabetano: o que é, para que serve e como fazer um em casa?
Pontinhos-pretos-no-pelo-do-gato_site
Pontinhos pretos no pelo do gato – o que pode ser?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest