Com a chegada da primavera e das estações mais quentes do ano, é comum que ocorra também um aumento na incidência das doenças que são transmitidas por carrapato, como a erliquiose (doença do carrapato), por exemplo. E se você não quer passar por esse problema com o seu cãozinho é importante ficar atento às dicas que trouxemos nessa matéria.

O QUE É A ERLIQUIOSE (DOENÇA DO CARRAPATO) E QUAIS SÃO OS SINTOMAS QUE CAUSA?

A erliquiose ou “doença do carrapato” é uma doença causada por uma bactéria chamada Ehrlichia canis, transmitida através da picada de um carrapato infectado. Quando um cão se infecta, a doença pode se manifestar em 3 fases distintas:

  • Aguda: é nesta fase que ocorre a maioria dos sintomas, devido à rápida multiplicação da bactéria no organismo do animal. Os sintomas costumam ser a falta de apetite (anorexia), a palidez das mucosas, pequenos pontinhos vermelhos espalhados pelo corpo do animal (petéquias), sangramento nasal (epistaxe), febre, aumento dos gânglios linfáticos (linfadenomegalia) e apatia.
  • Subclínica: nesta fase, normalmente o cãozinho não apresenta sintomas, embora ainda esteja infectado.
  • Crônica: nesta fase, o animal costuma apresentar os mesmos sintomas da fase aguda, embora, em menor intensidade.

 

Ao se suspeitar de que o animal está com erliquiose é muito importante leva-lo rapidamente ao Médico Veterinário, que fará o diagnóstico através de exames complementares e indicará o tratamento mais adequado.

 

Quer saber mais sobre a erliquiose? Acesse aqui  e aqui.

 

Embora a erliquiose seja uma doença perigosa, ela pode ser facilmente prevenida através de dicas simples, que envolvem o controle do carrapato no animal (através do uso de coleiras carrapaticidas, antiparasitários de uso oral ou tópico), o controle no ambiente e consultas regulares ao Médico Veterinário ao notar quaisquer sintomas. Aqui é fundamental destacar o controle ambiental do carrapato, pois muitas pessoas se esquecem de fazer isso e acham que apenas o controle no animal é suficiente.  Portanto, vale o alerta, pois os carrapatos estão por toda parte e podem infectar o seu cão, principalmente nas épocas mais quentes do ano.

 

Quer saber se os gatos também podem ter carrapatos? Leia essa matéria e descubra.

Se você gostou dessa matéria, compartilhe-a com seus amigos. Continue nos acompanhando por aqui, porque sempre tem conteúdo exclusivo para você!

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Thor - Bicho Amigo | Lupus Alimentos

 

Este é Thor!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

ACOMPANHE-NOS NO FACEBOOK E INSTAGRAM!

Veja também:

Matéria-Erliquiose-Felina-Site
Erliquiose felina
Matéria outubro_Gato com Diarreia copy
Meu cachorro está tossindo muito: o que pode ser?
QR Code Business Card