Dor de ouvido, mau cheiro, coceira e um incômodo terrível. Se o seu cachorro já sofreu ou está sofrendo com infecção de ouvido e você não sabe o que deve ou não deve fazer, essa matéria foi feita para você. Leia e descubra agora mesmo.

»

A otite, nada mais é que uma infecção de ouvido que pode ocorrer em cães e gatos, assim como também em humanos, por vários motivos. O problema tem uma causa que é especialmente comum nos pets: o excesso de umidade no ouvido somado à falta de ventilação no local. Isso ocorre bastante em raças que têm orelhas grandes e peludas, que acabam abafando o conduto auditivo. Um bom exemplar de raça com essas características e, consequentemente, com maior predisposição a ter otites é o Cocker Spaniel.

O animal acometido por otite costuma ter sinais característicos do problema como, por exemplo, o ato de balançar constantemente a cabeça, como se algo o incomodasse, andar com a cabeça inclinada para um dos lados, tentar coçar a orelha insistentemente, além de poder apresentar um mau cheiro intenso e secreções no ouvido.

Se estes são sinais familiares e você realmente está desconfiado que o seu cão apresenta uma infecção de ouvido, o primeiro passo a ser tomado é leva-lo ao Médico Veterinário o quanto antes.
O profissional, através de um bom exame físico e exame do conduto auditivo com um equipamento específico, poderá confirmar o diagnóstico e a causa do problema. Somente dessa forma é possível tratar a otite corretamente, de acordo com o agente ou evento causador (fungos, bactérias, traumatismos).

É importante que você não tente aplicar nenhum medicamento ou substância dentro do ouvido do animal sem orientação. Isso pode ser muito arriscado e perigoso para a saúde auditiva do pet. A limpeza do ouvido, quando for feita, também deve ser orientada pelo Médico Veterinário, pois senão existe o risco de agravar ainda mais o quadro, levando as secreções, cada vez mais, para dentro do canal auditivo. O Médico Veterinário é, portanto, o profissional mais indicado para este cuidado.

 

Agora que você já sabe como agir em casos de otite, que tal compartilhar com seus amigos esse conteúdo para que eles também fiquem por dentro do assunto? E se você gostou dessa matéria, deixe um comentário abaixo para sabermos sua opinião.
Continue acompanhando nossa página no facebook e o site, porque toda semana tem conteúdo novo por aqui.

 

Por isso, fique de olho em nosso site e página no facebook, porque semana que vem tem mais. Se você gostou dessa matéria, curta e compartilhe com seus amigos.

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Thor - Bicho Amigo | Lupus Alimentos

 

Este é Thor!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

ACOMPANHE-NOS NO FACEBOOK E INSTAGRAM!

Veja também:

doencas2
As doenças que podem ser transmitidas pelo cachorro – PARTE II
CACHORRA-GRAVIDA
Será que minha cachorra está grávida?
QR Code Business Card