Tem cachorro que adora destruir chinelos e qualquer outro sapato de seus tutores que esteja pelo chão, não é mesmo? Mas por que será que eles fazem isso? Essa mania, nada agradável, tem explicação e nós vamos descobrir agora.

Chinelo, meia, tênis e qualquer sapato pode se tornar um alvo em potencial
para esse comportamento, que pode ser explicado por 5 principais motivos:

ANSIEDADE DA SEPARAÇÃO

Seu cachorro costuma passar boa parte do dia sozinho em casa? Ele se desespera quando você sai? Se as respostas são sim, saiba que ele pode sofrer do que chamamos de Ansiedade da Separação.

Nesse caso, a consequência é que alguns animais choram sem parar, outros arranham a porta, fazem xixi onde não devem, ficam sem se alimentar direito e têm aqueles que destroem algum objeto de seu tutor, como os chinelos e sapatos, por exemplo, que costumam ter o cheiro do dono. Saiba mais sobre isso aqui: Ansiedade de separação

Solução: Conversar com o Veterinário a respeito do tratamento mais adequado para o caso de seu animalzinho.

TÉDIO

Quem é que gosta de ficar sem fazer nada a maior parte do tempo? Se o cãozinho não tem momentos de descontração em seu dia, não sai para passear e se sente entediado, é óbvio que ele vai encontrar maneiras de se distrair. E se ele achar um sapatinho perdido pela casa, talvez seja essa sua escolha.

Solução: Oferecer mais tempo com o pet, leva-lo para passeios regularmente, fazer atividades que o façam cansar bastante, como correr, por exemplo. E claro, oferecer muito carinho.

CHAMAR A ATENÇÃO

Os animais são muito, muito espertos. Se na primeira vez que ele estragou um sapato seu, o dono deu uma atenção além do comum para a situação, ainda que seja brigando, ele pode associar isso como algo que serve para ganhar a atenção do dono. Simples assim o raciocínio dele.

Solução: A solução aqui é mudar o comportamento do dono frente a algumas situações. Quando o cão faz algo ruim, ele não deve receber atenção. Não devemos aumentar o foco para isso. E o contrário deve ocorrer quando ele faz algo bom. Quando se comporta, deve receber elogios, carinho e muita atenção. Isso se chama reforço positivo e é uma técnica utilizada por adestradores. Talvez você precise da ajuda de um profissional para educar seu pet.

DESOBEDIÊNCIA

Cães desobedientes existem por vários motivos. Se ele não enxergar seu tutor como um líder, ele fará o que bem entender sem se preocupar, incluindo acabar com seus chinelos e sapatos.

Solução: Vale buscar o apoio de um adestrador para corrigir alguns comportamentos. Ensinar alguns comandos também pode servir muito bem, como por exemplo, ensinar o cão a dar a patinha ou se sentar. Nada de força-lo ou bater, ok? O adestramento utiliza reforços positivos para ensinar o cão e é assim que ele irá aprender o que pode e o que não pode.

DENTIÇÃO

Filhotinhos sofrem com o nascimento de seus dentes. Nesse momento, é comum que a gengiva fique mais sensível e coce muito. Assim como ocorre com os bebês, eles vão querer morder aquilo que verem pela frente.

Solução: Aqui o problema tende a se resolver sozinho, à medida que os dentes pararem de nascer. Mas para controlar o comportamento de forma temporária, vale comprar brinquedinhos próprios para essa fase da vida. Eles podem ser encontrados em pet shops e o animal poderá morder à vontade, sem o menor problema.

Gostou dessa matéria? Então compartilhe com seus
amigos e fique de olho toda semana por aqui.

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Xanim - Bicho Amigo | Lupus Alimentos

 

Este é Xanim!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

ACOMPANHE-NOS NO FACEBOOK E INSTAGRAM!

Veja também:

Meu cachorro cheira muito mal | Lupus Alimentos
Meu cachorro cheira muito mal – o que pode ser?
Natal e o Ano Novo podem ser perigosos para o seu pet | Lupus Alimentos
Natal e Ano Novo podem um ser perigo para seu pet
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest