Ter em casa animais de estimação é uma constante aventura, pois você nunca sabe o que esperar e o que esse bichinho pode ou não aprontar. Eles são como crianças, que se não tomarmos todos os cuidados acabam, vez ou outra, se metendo em confusões. Um possível acidente e que aliás, não é nada incomum, é quando o pet engole algum brinquedo ou algo que não devia, como por exemplo, um pedaço de plástico. E aí, o que fazer?

Todo e qualquer objeto que seja engolido pelo animal (desde que não seja alimento) é chamado de corpo estranho. E dependendo do tamanho, formato e composição isso pode se tornar um grande problema. A questão é que se o plástico for um material não tóxico, sem pontas, BEM pequeno, e que seja facilmente excretado pelas fezes, provavelmente não teremos grandes problemas. Mas se for um objeto maior ou que dependendo do material, acabe obstruindo a passagem do alimento, o animal terá uma obstrução intestinal e isso sim pode ser uma situação de urgência ou emergência, dependendo do caso.

O plástico, dependendo da quantidade e tamanho, pode até ser eliminado tranquilamente pelas fezes. Mas se for muito grande ou em maior quantidade, ou ainda se for um plástico duro, com pontas e que possa perfurar alguma porção do intestino e/ou estômago, o animal vai ter problemas.
 

Então como agir diante de uma situação desta? 

Primeiramente, se você conseguiu ver o quanto o animal ingeriu e que tipo de plástico foi, consulte seu veterinário de confiança e diga a ele o que ocorreu. Ele saberá te orientar se você deve ou não se preocupar. Se você não viu o cão ingerindo, mas desconfia que isso possa ter ocorrido, o observe e esteja atento se o animal começar a ficar mais quieto (apático), sem apetite e com vômitos. Neste caso, leve-o rapidamente ao veterinário, pois uma obstrução intestinal requer uma intervenção cirúrgica rapidamente. Por via das dúvidas, é sempre bom consultar o Veterinário para saber se aquele plástico vai ou não causar maiores problemas.

Vale lembrar um cuidado importante. Em situações como esta, não tente de forma alguma induzir o vômito ou utilizar “laxantes” para tentar eliminar o plástico ou qualquer outro objeto, isso pode piorar ainda mais a situação do animal. Isso porque estes dois tipos de medicamentos podem aumentar a força e os movimentos do intestino, e se o trato gastrointestinal está com as “saídas” fechadas, isso vai forçar ainda mais e pode acabar rompendo alguma parte interna.

Além disso, cabe lembrar que devemos sempre deixar fora do alcance de animais qualquer objeto que possa causar acidentes como este. E com relação aos brinquedos, ofereça somente brinquedos próprios para animais, com peças que não se soltam e que não podem ser engolidas.

Se você tiver qualquer dúvida, não hesite em procurar o Veterinário que saberá te orientar corretamente.

 

Larissa Salles Teixeira

CRMV/PR 11718

Cornélio Procópio – PR

27329 Visualizações
( 10 )

Veja também:

gato-sapato-site
Gato-sapato – de onde veio a expressão?
matar-cachorro-a-grito-site
Matar cachorro a grito – de onde veio a expressão?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest