Tudo está bem com a saúde do seu cão quando você percebe que ele está perdendo mais pelo que o normal. Será que tem algo de errado? Ou será que isso é apenas uma troca de pelo comum de ocorrer em algumas estações do ano? Depende.

Animais passam por um período de troca de pelo natural que ocorre com maior frequência entre os meses onde há mudanças bruscas de temperatura, como verão e inverno e geralmente ocorre duas vezes ao ano. Essa pequena queda de pelo é normal nestas estações e não há motivo para se preocupar.

Mas como saber então se o animal está tendo uma queda de pelo em decorrência da estação ou se é de fato alguma doença mais séria? Bom, em primeiro lugar observe se ele tem outros sinais clínicos associados como por exemplo:

  • Coceira;
  • Vermelhidão da pele;
  • Se ele fica lambendo o local;
  • Se há caspas, crostas;
  • Se há pequenas “bolinhas” ou nódulos;
  • Se a queda de pelo é igual ou desigual dos dois lados do corpo;
  • Se ocorre em uma região específica do corpo ou no corpo todo.

 

Após observar os sinais acima, leve em consideração que a queda de pelos normal a que me refiro ocorre no corpo todo, com pouca queda, sem atingir uma região específica, sem crostas ou coceira, sem vermelhidão e ocorre no máximo umas duas vezes por ano apenas.

Mas caso você perceba algum dos sinais citados acima pode ser sinal de que algo não vai bem. Pode ser só um problema de pele, assim como pode ser um problema sistêmico. Por exemplo, você sabia que alergia alimentar pode desencadear uma coceira, vermelhidão e queda de pelo? Doenças endócrinas como hiperadrenocorticismo ou Síndrome de Cushing também podem levar a queda de pelo.

Bom, agora você já sabe que se por acaso o seu cãozinho ou mesmo gato começara ter uma queda de pelo, observe os sinais que falamos anteriormente e esteja atento também se está tudo ok com ele, se está se alimentando corretamente, a quantidade de água ingerida, enfim. Esses outros parâmetros também podem indicar doenças que cursam com queda de pelo e alterações de pele, como a doença endócrina que citamos anteriormente. Se você suspeita que ele tem algum problema de pele, leve-o para uma consulta veterinária, onde serão requeridos exames próprios para identificar parasitas ou outras possíveis doenças.

 

Larissa Salles Teixeira

CRMV/PR 11718

Cornélio Procópio – PR

383 Visualizações

Veja também:

matar-cachorro-a-grito-site
Matar cachorro a grito – de onde veio a expressão?
os-cães-podem-perceber-o-medo-humano-site
Cães percebem o medo humano?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest