Seu animal está bebendo pouca ou nenhuma quantidade de água? Saiba que isto pode ser um sintoma de que algo não vai bem e ainda poderá causar sérios problemas de saúde.

Nesta matéria vamos ajudá-lo a reconhecer as principais causas para isso ocorrer e descobrir como corrigir o quadro.

A diminuição na ingestão de água nunca é bom sinal. Caso você note que, além de estar bebendo menos água, o animal também está com outros sintomas e alterações no apetite, nos hábitos de urinar e defecar, mudanças de peso ou qualquer outro sinal, não hesite em leva-lo ao Médico Veterinário. Essas condições devem ser investigadas para que o tratamento seja feito de maneira adequada.

Além das condições de saúde que podem levar à baixa ingestão de água, algumas situações são mais fáceis de serem resolvidas. Veja abaixo quais são elas:

  • ÁGUA SUJA: se você não tem o hábito de trocar a água do seu animal diariamente, saiba que este pode ser um bom motivo para ele ter deixado de bebê-la. Afinal, ninguém gosta de beber uma água que não esteja fresca e limpinha, não é mesmo? O mesmo vale para a limpeza do bebedouro do animal. Limpe sempre o seu potinho e não o deixe em um local onde suje facilmente.
  • ÁGUA QUENTE: é de se compreender que o animal não queira beber água quente, não é mesmo? Se o bebedouro do seu animal fica em um local onde há muita incidência do sol, a água irá esquentar rapidamente e ficará pouco agradável ao pet. Experimente trocá-la de lugar e adicionar umas pedrinhas de gelo em dias muito quentes (alguns pets adoram).
  • ÁGUA PARADA: alguns animais, principalmente os felinos, detestam água parada dentro do bebedouro. Nesses casos, para estimulá-los, saiba que há disponíveis no mercado potes de acionamento automático ou potes ligados à tomada em que a água fica circulando pelo bebedouro. Tente buscar essas soluções para estimular seu animalzinho.
  • POTE DE ÁGUA MUITO PRÓXIMO DE SEU “BANHEIRINHO”: os tutores de gatos sabem que este pode ser um grande problema na ingestão de água e também de alimentos. A maioria dos animais evita se alimentar se os seus comedouros/bebedouros estiverem muito próximos de onde ele faz suas necessidades. Para resolver isso é muito simples: busque posicionar o pote de água e comida bem longe de onde o animal urina e defeca.
  • TAMANHO E ALTURA DO BEBEDOURO: se o seu animal usa o mesmo bebedouro de quando ele era apenas um filhote é possível que ele tenha se tornado muito pequeno e isso cause algum incômodo quando ele vai beber água. Os gatos, principalmente, detestam encostar seus bigodes na borda do potinho. Para resolver isso, busque encontrar um pote maior e mais largo para servi-lo. Um outro ponto que pode causar incômodo é a altura onde o bebedouro fica localizado. Alguns pets, principalmente os maiores, podem sentir certa dificuldade de ter que se agachar para beber água. Como esta posição não é muito anatômica, você pode experimentar elevar um pouco o bebedouro e comedouro, colocando-o em cima de algum degrau ou superfície.

Caso nenhuma dessas dicas tenha ajudado a resolver o seu problema com o seu bichinho, busque ajuda de um profissional para entender o que pode estar ocorrendo. E lembre-se: problemas de saúde devem ser rapidamente investigados. Além disso, a falta de água no organismo também prejudica funções vitais do corpo. Portanto, não espere muito para buscar soluções definitivas.

Gostou dessas dicas? Então fique de olho e continue nos acompanhando por aqui, pois sempre tem novidade para você.

Continue nos acompanhando, porque sempre tem novidades por aqui para você.

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Thor - Bicho Amigo | Lupus Alimentos

 

Este é Thor!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

ACOMPANHE-NOS NO FACEBOOK E INSTAGRAM!

Veja também:

MEU GATO FICA MIANDO DURANTE A NOITE – ISSO É NORMAL?
Chocolate para cães e gatos? NÃO FAÇA ISSO
QR Code Business Card