Os animais, normalmente, são seres muito curiosos e que volta e meio se enquadram em alguns acidentes, como é o caso dos acidentes ofídicos. Se o seu cãozinho ou gato foi picado por uma cobra venenosa e você não sabe exatamente como agir nessa situação, leia a matéria.

Os animais, normalmente, são seres muito curiosos e que volta e meio se enquadram em alguns acidentes, como é o caso dos acidentes ofídicos. Se o seu cãozinho ou gato foi picado por uma cobra venenosa e você não sabe exatamente como agir nessa situação, leia a matéria.

Em casos onde há suspeita de que o animal tenha sido picado por uma cobra, é muito importante agir rapidamente. Tente identificar se há sinais da picada no local onde existe o inchaço. Normalmente, o pet sentirá muita dor, o local pode estar bastante inchado, quente e apresentar sangramentos. Também é comum que o animal tenha dificuldade respiratória e sangramentos.

Ao ver um animal picado por cobra, é comum que as pessoas tentem seguir dicas caseiras ou algum tipo de conselho na tentativa de ajudar o animal. Mas algumas dessas dicas podem acabar piorando (e muito!) o estado de saúde do pet. Então se você realmente quer saber como ajudar, veja abaixo o que fazer e o que não fazer para prestar os primeiros socorros.

 O QUE FAZER:

  • Lave o local da picada apenas com água e sabão.
  • Você pode colocar uma bolsa com gelo para minimizar o inchaço e a dor no local da picada.
  • Tente manter o animal calmo e evite que ele se mexa muito.
  • Mantenha o pet aquecido.
  • Leve o animal o mais rápido possível a um atendimento veterinário, pois apenas dessa forma ele irá receber todo o tratamento e suporte necessário.
  • O animal deverá receber o tratamento com soro antiofídico específico o mais rapidamente possível. No mercado, existem algumas opções de soro antiofídico que agem contra os principais gêneros de serpentes venenosas existentes no Brasil.
  • Além do soro antiofídico, o Veterinário recomendará outros medicamentos suporte para o pet.

 O QUE NÃO FAZER:

  • Não aplique ou coloque nenhuma substância (terra, fumo, borra de café, pasta de dente ou qualquer outra coisa) na ferida. Isso pode infeccionar ainda mais o local da mordedura.
  • Não faça torniquetes ou garrote próximo ao local da mordedura na tentativa de conter o fluxo sanguíneo. Isso não funciona e ainda faz com que o veneno fique altamente concentrado no local e as consequências podem ser ainda maiores, como uma necrose do membro, por exemplo, com consequente amputação.
  • Não tente cortar a pele próximo ao local da picada. Além dessa prática não ter nenhuma eficácia para que o veneno saia, ela ainda aumenta as chances de que o animal tenha uma infecção local, o que pode piorar ainda mais o quadro de saúde.
  • Não tente sugar o veneno da cobra de nenhuma maneira. Essa prática não tem nenhuma eficácia e apenas atrasa o correto atendimento do pet.

A dica de ouro é: leve o seu animal assim que perceber que ele foi picado, pois quanto mais tempo passar, mais o veneno da serpente se espalha pelo organismo, causando danos que podem ser irreversíveis.

Se você gostou dessas dicas, compartilhe essa matéria com os seus amigos e deixe o seu comentário logo abaixo.

Continue nos acompanhando, porque sempre tem novidades por aqui para você.

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Thor - Bicho Amigo | Lupus Alimentos

 

Este é Thor!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

ACOMPANHE-NOS NO FACEBOOK E INSTAGRAM!

Veja também:

Posso passear com meu cachorro antes de ele tomar todas as vacinas?
COMO ESCOVAR OS DENTES DO PET?
QR Code Business Card