Presente de grego ou vingança? Certamente você já ouviu ou presenciou muitas histórias como essa: o gatinho de estimação que insiste em trazer sua caça para a sala da sua casa, em cima da cama ou quem sabe no sofá. Isso parece familiar? Mas por que será que eles fazem isso?

Que os gatos são grandes caçadores, isso nós já sabemos e embora domesticados, a caça continua fazendo parte dos seus instintos, apesar de não ser mais por uma questão de sobrevivência. Os felinos possuem esse hábito e exercitam o comportamento, sempre que possível. Certo, até aí tudo bem. Mas precisa mesmo colocar os ratos, lagartixas e passarinhos mortos no tapete da sala, na cama ou pior, bem na sua frente?

Apesar de isso tudo parecer muito nojento e assustador, o que o felino está fazendo nada mais é que demonstrando afeto por você. Duvida? Vamos voltar um pouco na história do seu bichano para compreendê-lo um pouquinho melhor.

Quando o gatinho nasce, a sua mãe felina o ensina a caçar, como prova de seus cuidados e amor, afinal, essa será futuramente uma questão de sobrevivência para ele, é como “aprender a se virar e encontrar seu próprio alimento”. Ela caça e mostra sua presa, ele aprende, levando isso por toda sua vida, ainda que depois venha a morar em um lar com ração à vontade, sombra e água fresca.

Então, o gatinho, observador por natureza, que aprendeu tudo que sua mãe o ensinou, agora mora com você e percebe que você não é exatamente um “bom caçador”, afinal, quantos passarinhos e lagartixas ele já viu você trazer para casa? Nenhum. E o que ele faz? Te ensina da mesma forma que a mãe dele o ensinou. Assim, ele costuma trazer alguns animais mortos, colocar BEM na sua frente, para que você assista e veja como se faz.

O comportamento e o instinto presentes nessa atitude mostram que ele se preocupa com você e quer que aprenda tudo isso. A melhor forma de lidar com a situação é não brigar ou repreender o animal, caso não tenha conseguido evitar toda a situação antes.

De qualquer forma, para evitar que isso aconteça mais e mais vezes em seu lar, o melhor a se fazer é não deixar o bichano à solta por aí. E quando digo que é o melhor a se fazer, me refiro à prevenção de doenças que ele pode adquirir com suas presas e também, melhor para os outros insetos e animais que deixaram de ser caçados e que podem ter papel importante no equilíbrio ecológico. Além disso, você também evita que seu pet fique correndo riscos por aí na rua.

E você, já recebeu esses “presentinhos de grego”, digo, de gato? Conte-nos a sua experiência e o que achou de descobrir toda a história por trás dessa atitude um tanto quanto estranha.

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

 

 

Este aqui é o Chicão. Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

 

79009 Visualizações
( 23 )

Veja também:

Vacinei-meu-cachorro-e-ele-ficou-doente(LupusAlimentos)_site800x500
Vacinei meu cachorro e ele ficou doente. Por que isso aconteceu?
Meu-cachorro-morde-tudo---o-que-eu-faco(MundoPet)(LupusAlimentos)
Meu cachorro morde tudo! O que eu faço?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest