Gatos: eles têm o hábito de se alimentar várias vezes ao dia, mas sempre em pequenas porções. Mas será que isso é correto? Quantas vezes por dia devo alimentar o meu gato?
Descubra agora mesmo.

 

 

Os felinos possuem o hábito de petiscar grãozinhos de ração, sempre que lhes dá vontade ou sempre que passam perto do seu potinho de ração, não é mesmo? Mas será que esse hábito é saudável? Será que devemos mesmo deixar o bichano se servir à vontade?

O ideal, apesar do hábito alimentar do pet, é criar uma rotina de alimentação, onde devemos estabelecer:
1. A quantidade necessária de ração para cada idade;
2. O horário de alimentação.

Assim, conseguimos garantir um funcionamento do organismo mais equilibrado e saudável, além de prevenir o hábito do pet se alimentar a todo instante, que pode levar à obesidade, que traz uma série de consequências à saúde felina. Além disso, a rotina de alimentação evita sobras desnecessárias no comedouro do pet, o que também faz toda a diferença.

 

 

»COMO DETERMINAR QUANTAS VEZES POR DIA DEVO OFERECER RAÇÃO?

É necessário considerar a idade do bichano, se ele é adulto, jovem, filhote ou idoso, porque conforme a faixa etária em que ele se encontra, serão diferentes as suas necessidades energéticas.

Em casos de gatos filhotes, normalmente recomenda-se que a porção diária (indicada pelo fabricante ou pelo médico veterinário) seja fracionada em 3 ou 4 refeições ao longo do dia, isso porque o pet filhote tem maior gasto calórico, está em fase de crescimento e necessita de um maior aporte nutricional.
Já para um pet adulto, normalmente recomenda-se que a porção diária seja dividida em duas refeições ao dia.

Claro que essas indicações são para animais saudáveis, sem nenhuma limitação ou doença. Em casos específicos, o veterinário deverá prescrever quando e quanto o animal deve receber de ração, pois ele é o profissional responsável pela saúde do seu bichano e poderá, a seu critério, alterar essas recomendações gerais.

 

 

»MEU GATO SE ALIMENTAVA À VONTADE E AGORA QUERO DIMINUIR A QUANTIDADE DE RAÇÃO – POSSO FAZER ISSO?

O ideal é não fazer isso de uma vez só, mas sim diminuir aos poucos a quantidade de ração, até que se chegue à quantidade ideal para a idade do pet. Assim, evitamos maiores problemas, ok?

Agora que você já sabe, nada de oferecer excesso de alimento ao pet, e também não vale deixar o peludo passando fome. O equilíbrio é a chave do sucesso!

E como o assunto é saúde e nutrição, vale lembrar que a Lupus Alimentos possui a ração Foster Cats, que é um alimento completo para gatos totalmente balanceado, oferecendo os nutrientes mais indicados e na quantidade correta que o seu bichano precisa. Quer saber mais? Acesse aqui: Foster Cats

 

 

Se você gostou dessa matéria, curta e compartilhe com seus amigos.
Semana que vem tem mais conteúdo interessante por aqui, fique de olho.

 

 

Larissa Salles Teixeira
CRMV/PR 11718
Cornélio Procópio – PR

Jack - Bicho Amigo

Este é Jack!
Quer ver seu amiguinho aqui também?
Envie a foto dele para o Bicho Amigo!

ACOMPANHE-NOS NO FACEBOOK E INSTAGRAM!

Veja também:

Será que meu cachorro está com otite? | Lupus Alimentos
Será que meu cachorro está com otite?
Por que meu cachorro urina quando alguém chega em casa? | Lupus Alimentos
Por que meu cachorro urina quando alguém chega em casa?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest