As causas para estes dois problemas não são só a idade. Causas infecciosas também podem estar envolvidas na perda de audição ou visão.

Tudo vai bem até que de repente… o seu cãozinho parece não lhe ouvir mais. Você chama, fala alto, repete várias vezes, grita e nada dele olhar para você. Só então quando você faz gestos que ele esteja vendo, ele entende e vai até você. E então fica a dúvida: será que o cãozinho está ficando surdo? Pode ser que sim.

Um outro problema bastante comum em cães de mais idade é a cegueira. Cães e gatos por inúmeras causas podem ter sua visão diminuída com o decorrer do tempo. Sabia que eles também podem sofrer de catarata e que se não tratada, pode evoluir para cegueira parcial ou total?

Animais sofrem com uma série de problemas que não são exclusividade dos humanos. A idade também chega para os pet’s e os problemas podem ser os mais variados, incluindo cegueira e surdez.

Mas como saber se o cão está ficando surdo? Pode não ser tão simples perceber, ainda mais se forem sinais sutis demais. Um animal que dorme e fica mais quieto que o costume, não olha quando alguém faz barulho, não levanta as orelhas quando alguém o chama pode ser sinal de surdez.

E como descobrir se ele está ficando cego? Aquele cão que antes corria pela casa, pelo quintal com extrema facilidade agora começa a esbarrar em paredes e cadeiras, perde um pouco a noção de espaço e cai quando tenta subir em algum lugar pode indicar um alerta para a perda de visão.

As causas para estes dois problemas não são só a idade. Causas infecciosas também podem estar envolvidas na perda de audição ou visão. Por exemplo, a otite não tratada e crônica pode evoluir para surdez. Independente da causa é importante saber que para um correto tratamento, é preciso o diagnóstico. E ainda que não seja possível reverter todo o quadro, a melhora pode ser suficiente. Por mais que em algumas situações ainda, não seja possível fazer o cão voltar a enxergar ou ouvir, os animais são altamente adaptáveis a situações adversas como estas e podem viver bem mesmo com algumas deficiências.

Se seu gato ou cão passar a apresentar dificuldades como estas, leve-o ao Veterinário para um diagnóstico mais acurado, pois quanto antes isto for feito, mais fácil a reversão do quadro será.

 

Larissa Salles Teixeira

CRMV/PR 11718

Cornélio Procópio – PR

977 Visualizações

Veja também:

Cirurgia-plastica-para-caes
Cirurgia plástica para cães?
5-Motivos-para-adotar-um-cão
5 Motivos para adotar um cão
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest