Veja dois planos de caminhada para você escolher o que mais se adéqua ao seu bicho de estimação.

Você anda procurando companhia para caminhar? Seu parceiro ideal pode, sim, ter quatro patas. Transformar os passeios diários com o seu cachorro em treinos poderosos é uma maneira divertida e eficiente de entrar em forma. “Juntos, vocês emagrecem, melhoram a capacidade cardiovascular, ganham disposição, força e resistência e mandam o stress embora”, diz o professor de educação física Fabio Clemente, da academia Bio Ritmo, em São Paulo. E os bichos agradecem. “Cachorros que se exercitam perdem o medo, ganham segurança e se comportam melhor do que aqueles que vivem trancados. Além disso, como acontece com a gente, a atividade física faz com que eles durmam melhor”, afirma o veterinário José Manuel Pedreira Mourino, da clínica Pet Place, em São Paulo.

A psicologia ajuda a explicar o sucesso dessa parceria. “É uma forma de incentivo, principalmente nos momentos em que não há motivação para malhar. Você vai por causa do cachorro e acaba fazendo um bem enorme para você”, fala Luis Carlos de Oliveira, do Agita São Paulo, programa de incentivo à atividade física do Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul (Celafiscs) em conjunto com a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo. É verdade: imagine você chegando em casa, com aquela vontade de se jogar no sofá, e o cachorro latindo e abanando o rabo para passear… Não tem jeito: é deixar a preguiça de lado, calçar o tênis e ir para a rua. Sem contar que malhar com seu bicho de estimação é uma verdadeira terapia. “Você foca sua atenção no animal e no ritmo do exercício e desvia os pensamentos dos problemas e das tensões do dia a dia”, explica a psicóloga Ana Maria Rossi, diretora da Clínica de Stress e Feedback, em Porto Alegre. E a caminhada ainda reforça sua cumplicidade e estreita seus laços com o peludo.

Mas para que a malhação dê certo é essencial que você saiba adequar o seu ritmo ao do animal, principalmente se os passeios diários até agora se limitavam a uma voltinha no quarteirão. “O cão tem que ser treinado lentamente. Vale mais a frequência do que a intensidade. Ou seja, não adianta levá-lo para passear só nos fins de semana. Se ele não está acostumado, não vai aguentar”, alerta o veterinário José Manuel. Portanto, a ordem é começar com caminhadas leves nas primeiras semanas para só depois apertar o passo. Preparado?

Malhação sob medida

Os programas propostos pelo professor Fabio Clemente, em parceria com o veterinário José Manuel Pedreira Mourino, foram elaborados para cães adultos, saudáveis e que não estão acostumados a se exercitar com frequência. Portanto, se você já faz caminhadas regularmente, talvez tenha que diminuir o pique para se adaptar às limitações do bicho, principalmente se ele for de pequeno porte. O ideal é treinar pelo menos três vezes por semana, em dias alternados. Quando o cão estiver bem condicionado, aumente a frequência para cinco vezes por semana. Mas lembre-se: a intensidade do exercício depende muito do condicionamento de cada animal. Por isso, é melhor levá-lo ao veterinário para fazer uma avaliação antes de começar.

Tamanho P – Cães de pequeno porte: bichon frisé, buldogue francês, daschund, lhasa apso, maltês, poodle, pug, shih-tzu, yorkshire.

PRIMEIRO MÊS – de 20 a 30 min
Primeira e segunda semanas
10 min de caminhada + 5 min de caminhada rápida + 5 min de caminhada
Terceira e quarta semanas
10 min de caminhada + 10 min de caminhada rápida + 10 min de caminhada

SEGUNDO E TERCEIRO MÊS – 35 min
10 min de caminhada + 10 min de caminhada rápida + 5 min de trote leve + 10 min de caminhada

QUARTO E QUINTO MÊS – 45 min
10 min de caminhada + 15 min de caminhada rápida + 10 min de trote leve + 10 min de caminhada

A PARTIR DO SEXTO MÊS – 60 min
10 min de caminhada + 25 min de caminhada rápida + 15 min de trote leve + 10 min de caminhada

Tamanhos M e G – Cães de médio e grande porte: médio porte – beagle, border collie, buldogue inglês, bull terrier, cocker spaniel, fox paulistinha, pastor de shetland, pitbull, schnauzer, whippet. Grande porte – akita, boxer, dálmata, dobermann, golden retriever, husky siberiano, labrador, pastor alemão ou belga, pointer, rottweiler.

PRIMEIRO MÊS – de 20 a 30 min
Primeira e segunda semanas
10 min de caminhada + 5 min de caminhada rápida + 5 min de caminhada
Terceira e quarta semanas
10 min de caminhada + 10 min de caminhada rápida + 10 min de caminhada

SEGUNDO E TERCEIRO MÊS – 35 min
10 min de caminhada + 15 min de trote leve + 10 min de caminhada

QUARTO E QUINTO MÊS – 45 min
10 min de caminhada + 25 min de trote leve + 10 min de caminhada

A PARTIR DO SEXTO MÊS – min
10 min de caminhada + 40 min de trote leve + 10 min de caminhada

De olho no bicho

Preste atenção a algumas recomendações ao decidir malhar com o seu cachorro.

• Ande sempre com ele na coleira. Assim, zela pela segurança das outras pessoas e do próprio cão.
• Ao se exercitar em parques, evite dias e horários de grande movimento, como fins de semana, para evitar que o cachorro se desconcentre pelo excesso de gente ou presença de outros bichos.
• Recolha o cocô do animal. Existem saquinhos especiais para isso.
• Mantenha-o hidratado o tempo todo. Leve um squeeze ou uma garrafa de água só para ele.
• Não passeie em horários de muito sol. Além de causar desidratação, o animal pode queimar as patas se o asfalto estiver muito quente.
• Espere duas horas após a refeição para fazer exercício. De barriga cheia, o cão pode passar mal.
• Verifique se a carteira de vacina dele está em dia, para o cachorro não transmitir nem adquirir doenças na rua.

No ritmo certo

Para regular a intensidade do treino, confira a tabela de percepção de esforço abaixo.

Caminhada: você anda normalmente e a respiração é natural.
Caminhada rápida: a respiração começa a ficar ofegante.
Trote leve: o pique é acelerado, quase em ritmo de corrida, mas você não se sente exausta ao final do treino.

Fonte: boaforma.abril.com.br

Veja também:

limpeza
Usar produtos de limpeza exige cuidado quando se tem pets em casa
pet_locaispublicos
7 dicas de como se comportar com o seu pet em locais públicos
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest