Todo tutor curioso já correu para dar uma olhadinha ao receber o resultado do exame de sangue do seu pet, não é? Mas aí são tantos nomes diferentes e esquisitos que acabamos ficando ainda mais confusos do que antes. Calma, estamos aqui para ajudar.

O nome vem de: trombo = coágulos, cito = célula e penia = diminuição, ou seja:

Diminuição das Células Formadoras de Coágulos

A trombocitopenia, antes de mais nada, é um achado muito comum em exames de sangue. Mas nem todo mundo sabe o que isto significa, certo?

Este nome, não muito simples, quer dizer que o animal está com o número de plaquetas abaixo do normal, que pode ser causado pela diminuição na produção, pela destruição aumentada ou por problemas na distribuição. Mas vamos ao que realmente interessa, certo?

Este número pode estar levemente, moderadamente ou severamente diminuído e isso interfere na importância dada a este sinal. Primeiro vamos entender quem é essa tal de “plaqueta” e para que serve no organismo, tanto de humanos, como de animais, pois a função é a mesma.

Plaquetas: o que são?

São células produzidas na medula óssea e que auxiliam na coagulação do sangue. Estas células são as responsáveis por “estancar”, formar coágulos e fazer com que nós não percamos tanto sangue assim, impedindo uma possível hemorragia.

Quais as causas mais comuns de trombocitopenia?

  • Doenças infecciosas, como a erliquiose, parvovirose, leptospirose e outras;
  • Leucemia;
  • Linfoma;
  • Doenças imunomediadas;
  • Uso de medicamentos (anti-inflamatórios, por exemplo);
  • Hemorragias externas (causadas por traumas, acidentes);
  • Estresse;
  • Defeitos na execução do exame. 

Essas causas acima são as mais comuns, mas existem outros fatores que podem levar a uma queda de plaquetas no sangue.

O animal com trombocitopenia pode apresentá-la de forma silenciosa ou passar a ter sintomas como:

  • Sangramentos na pele, que surgem como pequenos pontos vermelhos;
  • Sangramentos no nariz;
  • Febre;
  • Tosse;
  • Letargia;
  • Sangramento urinário.

O tratamento deve ser feito em todas as situações, mas antes devemos descobrir o que levou ao quadro. Apenas o veterinário, após análise do paciente poderá estabelecer a causa e então tratar direitinho. Uma baixa de plaquetas muito severa pode levar a um colapso por perda de sangue. E claro, nós não queremos isso para nossos bichinhos?

Então, se você suspeita de que o seu cãozinho não está muito bem, o melhor a fazer é buscar ajuda antes que o quadro piore. Consulte o veterinário o quanto antes, é a melhor coisa a se fazer.

 

Larissa Salles Teixeira

CRMV/PR 11718

Cornélio Procópio – PR

11466 Visualizações
( 6 )

Veja também:

414
Ashera – O gato mais caro do mundo
RDJ_9203
Porque castrar meu cachorro?
QR Code Business Card

Pin It on Pinterest